Como Instalar Qualquer Windows 5 Vezes Mais Rápido Sem Pen Drive Boot

Por sayro, 16.01.2024 às 21:40 338

A formatação do Windows sempre é algo necessário para qualquer tipo de pessoa ou empresa. No entanto, devido a evolução das coisas essa tarefa nem sempre é fácil e muitos usuários têm problemas na hora da formatação.

Sem pen drive

Será possível fazer a formatação do computador e instalar qualquer Windows sem usar um pen drive boot com Windows? Sim isso é possível e nesse artigo vamos ensinar você a fazer isso com apenas alguns cliques. Utilizando um script simples para usar seu próprio disco e sua imagem do Windows original.

Como funciona

Baixando o script no final do artigo você, só irá precisar de uma imagem de instalação do Windows. Em seguida basta executar o script que ele irá pedir para você selecionar a ISO.

Qual Windows eu posso usar?

Continua após a publicidade..

As imagens do Windows podem ser as de sua preferência, Windows 7, Windows 8, Windows 8.1, Windows 10 ou Windows 11. Tanto faz você ter baixado do site da Microsoft ou não. Você também poderá usar sistemas WPE, Live CD como Hirens boot e outros. Versão Dual ISO vão funcionar com esse script.

Com isso ele irá criar de forma automática uma partição boot, copiará todos os arquivos da ISO para essa partição. Por fim ele irá adicionar na ordem de boot, a ISO que você escolheu. Assim será exibido a opção de boot na hora que você reiniciar o PC  “Instalação do Windows”. Selecionando essa opção as telas de formatação serão exibidas e você conseguirá instalar o Windows de forma rápida e segura.

Continua após a publicidade..

5 vezes mais rápido?

Sim, esse método utiliza seu próprio disco (HD, SSD, NVME) então basta fazer os cálculos, se um pen drive é rápido para formatar, imagina formatar seu computador utilizando seu próprio SSD ou NVME? Como você deve saber o SSD são cinco vezes mais rápidos que um HD comum, logo os disco NVME são ainda mais rápidos que os SSD, tornando assim sua formatação muito rápida.

Download 

Abaixo você encontrará o arquivo de download criado pelo moderador do Telegram do Sayro Digital “Duany Dias” o script não é de sua autoria (leitor) para usar ou vender como se fosse seu, assim como não é do Sayro Digital. No entanto, o desenvolvedor a nosso convite, criou essa incrível fermenta de acordo com nosso pedido. Então aproveite bem.

*Atualização: o script agora pergunta se você quer utilizar uma partição ou disco secundário para criação da unidade de boot, isso permitirá por exemplo, que você utilize um HD externo. Além da opão de backup de drivers automático que irá ser feito direto na nova partição.

senha para descompatar o arquivo “sayro” sem aspas. Aprenda Baixar do Terabox sem Instalar nada clique aqui.

Apoie nosso script (faça uma doção) clique aqui.

DOWNLOAD DIRETO

Link acima verificado via Kaspersky e via Vírus Total

Extras

Como funciona utilizando uma ISO do Windows 11 em um computador que não atente os requisitos? A reposta é simples, o script adiciona um arquivo XML de resposta onde no mesmo foi adicionado o bypass oficial “exibido no site oficial da Microsoft” para que em computadores que não antedão os requisitos seja possível instalar o Windows 11 oficial sem problemas.

Atualizar edição do Windows 

Agora o script ajudar o usuário atualizar sua versão do Windows sem precisar formatar. O mesmo utiliza o comando “Setup /Product Server” que funciona em arquivos ISOs originais, fazendo com que o usuário consiga instalar o Windows sem a necessidade de atender os requisitos. Outra função que o script faz é retirar o bloqueio de instalação por edição do sistema.

Por exemplo, se sua máquina estiver com Windows Home você não conseguiria atualizar via Setup para uma edição superior como a versão Pro. No entanto o script permite que você escolha com edição você poderá instalar, fazendo uma pequena alteração no regedit, ou já ensinado em nosso canal. O melhor de tudo é que você poderá utilizar ISOs originais Microsoft.

Dual Boot Automático!

Outra função adicionada recentemente foi a opção de criação de um dual boot com outra edição ou versão do Windows. Isso de forma automática, o script cria a partição e implanta a instalação do Windows nessa nova partição garantindo assim um dual boot perfeito sem complicações. Você poderá agora instalar por exemplo uma versão do Windows que não seja a mesma do seu computador. Dica, pode ter na sua máquina o Windows 10 Pro e com nosso script instalar em uma pequena partição o Windows 11 sem comprometer seu sistema principal.

Adicionada a opção que permite reduzir uma partição para instalação do Windows em dual-boot.

– A aplicação da imagem é feita via DISM com suporte a seleção de arquivos de instalação nos formatos ISO, WIM, ESD e SWM.

– Opção suportada a partir do Windows 10. É possível instalar o Windows 7 ou 8.1 desde que o computador ofereça suporte a inicialização desses sistemas.

O script é oficial Microsoft?

A resposta é não, no entanto, todos os comandos usados, ou seja, compilados no script são de autoria da Microsoft. Sendo assim faça uma breve pesquisa em seu blog oficial você irá encontrar todos os comandos usados pelo nosso script. O que leva ao que foi escrito no subtítulo acima, não é de nossa autoria o script (Sayro Digital) no entanto, a compilação do mesmo é do Duany Dias mas as linhas de comando são da Microsoft.

Primeira Nota;

Se estiver executando o Windows 7, 8.1, Server 2008 ou 2012, antes de executar o script
“winboot.cmd” execute o programa “AlterarCMD.exe”. Fique tranquilo, o sistema não será modificado.
Apenas a posição e tamanho da janela, fonte e tamanho da fonte do Prompt de Comando (CMD) serão
alterados para o padrão do Windows 10 e 11.

O programa “AlterarCMD.exe” automatiza o processo manual de configuração feita quando o usuário
acessa as propriedades no canto superior esquerdo da janela do CMD.

A T E N Ç Ã O ! ! !

Para que o script funcione o utilitário de linha de comando WMIC precisa estar presente no sistema.

No Windows 7, 8.1, Server 2008 e 2012 atualiza o powershell para versão 5.1:

https://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=54616

Pré-requisito: .NET Framework 4.8

https://dotnet.microsoft.com/pt-br/download/dotnet-framework/net48

O script monta e configura o boot de utlitários WinPE que usam “\sources\boot.wim” como pasta e
arquivo de boot padrão.

Se a pasta padrão do WinPE na raiz da ISO não for “sources” e o arquivo “*.wim” do WinPE não
for “boot” altere no script o valor das variáveis “winpefsrc=sources” e “winpename=boot”. Por
exemplo, o Sergei Strelec usa o caminho \SSTR\strelec10x64Eng.wim para o utilitário WinPE do
Windows 10. Caso queira inicializar esse utilitário as variáveis mencionadas devem ficar assim:

set “winpefsrc=SSTR”
set “winpename=strelec10x64Eng”

O QUE FAZ O SCRIPT “WINBOOT.CMD”?

1. Baixa o 7-Zip CLI através do powershell usando critérios para que o processo ocorra de
forma automática. O 7-Zip é necessário para extrair os arquivos após escolha/seleção da ISO.

2. Pergunta se quer usar outra unidade de armazenamento conectada para criar uma partição
de boot. Se o usuário responder “N” (Não) a partição do Windows será reduzida. Recomendo
não fazer isso quando houver menos de 40GB de espaço livre na unidade. A redução leva em
consideração o tamanho da ISO.

3. Abre uma janela para escolha/seleção de uma imagem ISO. Não é compatível com ISOs dualboot
onde os arquivos “install” estão em pastas separadas. Por exemplo, a ISO dualboot feita
pelo MediaCreationTool onde na raiz encontramos as pastas “x86” e “x64” ao invés da pasta
“sources”.

4. Verifica qual o número da unidade onde o Windows está instalado e qual a tabela de partição
(MBR ou GPT). Acessa o registro para verificar qual a edição do Windows e versão instalada.
Apenas acessa o registro e ler as informações, não faz qualquer modificação. Pode acontecer
do registro mostrar informações erradas. Isso é algo de longa data que infelizmente a
Microsoft ainda não corrigiu.

5. Reduz a partição do Windows ou outra partição escolhida de acordo com o tamanho da ISO
somando mais 6GB. Se não houver espaço para tal será somado apenas 2Gb ao tamanho da ISO
no processo de redução. Se ainda assim não existir espaço livre suficiente o usuário será
informado com uma mensagem na janela do CMD.

6. Localiza a partição criada e fecha janelas abertas nos processos anteriores.

7. Descompacta a imgem ISO para a partição localizada.

8. Verifica versão, arquitetutura, compilação e idioma da imagem do Windows descompactada.

9. Cria uma entrada junto ao gerenciador de inicialização do Windows editando o arquivo BCD
para que o WINPE (boot.wim) possa ser carregado na memória RAM tal como acontece com a
instalação do Windows executada a partir de um pen drive. Teremos assim uma segunda opção
(dualboot com o sistema) onde com as mesmas configurações de boot da ISO serão aplicadas
conforme o modo que o sistema atual está instalado. O nome da entrada para escolha será
“Instalação do Windows” ou “WINPE”.

10. Finalmente escreve os arquivos de configuração para liberar edições do Windows e
pular pré-requisitos.

Para remover a entrada de boot execute o comando “msconfig”, vá na “Inicialização do Sistema”
e apague as entradas “Instalação do Windows” ou “WINPE”. Em seguida vá no gerenciador de
discos do Windows, apague a partição criada e extenda de volta para a partição do Windows
ou para a outra que escolheu no processo.

Automação XML

Sabia que é possível automatizar o processo de formatação? A Microsoft desenvolveu uma solução usada a anos para facilitar o trabalho das empresas e usuários. Você poderá conferir os detalhes no site oficial clicando aqui.

O arquivo de resposta pode ser usado para automatizar as telas de formatação, como a escolha do idioma, layout de teclado, configurações de privacidade, nome do computador, e nome de usuário. Tudo isso pode ser feito utilizando um arquivo de resposta pré-configurado pelo usuário.

Abaixo você poderá baixar o arquivo de resposta para alterar de acordo com suas necessidades. Dentro do arquivo há instruções de como modificar o arquivo, utilizando o bloco de notas. Após finalizar basta adicionar o arquivo na pasta raiz do pen drive e pronto. Caso prefira poderá criar seu próprio arquivo XML de resposta utilizando esse site aqui.

Notas Especial

O que faz o script WINBOOT

Criação de partição de boot: Para reinstalar o Windows sem mídia externa, o script cria uma partição de boot com arquivos de instalação na mesma partição do Windows instalado. Ele também faz backup automático dos drives do sistema e gera um script para restauração. Esse script deve ser executado no ambiente de instalação/recuperação do Windows.

Remoção da partição de boot: O script permite remover a partição de boot, movendo o espaço não alocado de volta para a partição original. O usuário precisa apenas selecionar a partição que será estendida. Também remove as entradas de boot criadas para a imagem de instalação do Windows. As entradas são pré-definidas (“WinPE Utilitários” ou “Instalação do Windows”) para evitar erros. Se houver entradas duplicadas devido aos testes, basta executar o script novamente para remover todas. O menu que lista as entradas de boot poderá ser removido pois estamos estudando a possibilidade e executar a remoção de forma automática.

Montagem de uma imagem ISO de instalação do Windows e atualização do sistema: O script monta uma ISO de instalação do Windows e permite a atualização para uma edição diferente sem formatação.

Observações e Considerações

O script visa simplificar tarefas, não necessitando de edição para a maioria dos usuários.

As três variáveis ​​no cabeçalho (vide notas explicativas no script) permitem a personalização para expandir o suporte a outras ferramentas (opcional).

O script oferece funcionalidades úteis para gerenciamento de partições de boot e atualização do sistema.

O script não tem como objetivo prejudicar o trabalho de ninguém e ninguém é obrigado a utilizá-lo. Já vimos coisas semelhantes sendo disponibilizadas por assinatura e ninguém reclama. Sobre isso somos pioneiros. Desconhecemos scripts semelhantes que tenham existido antes do WINBOOT em canais BR. Não faz sentido alguém dizer que estamos prejudicando o trabalho de outrem.

Também não cabe aqui alguém em sã consciência afirmar que o script é a uma amostra de vaidade e que seus utilizadores são idiotas. Se assim fosse também são idiotas que utilizam o Rufus? Foi vaidade do Dev do Rufus adicionar ao código fonte opções para pular os pré-requisitos de instalação do Windows 11 e tornar automática a primeira experiencia do usuário? Por que ninguém vai lá no GitHub dizer que o código ele é uma amostra de sua vaidade e que seus usuários são idiotas.

Estamos tentando ajudar a comunidade e não fazê-los idiotas como foi postado aqui.

Sobre doações não foi um pedido meu @DuanyDias. Se alguém usa algo de graça da internet é porque alguém pagou ou está pagando o preço para ficar disponível gratuitamente. “Ah mas cuidado com algo que está de graça por aí! Desconfiem!. . .”.

Exemplo de porque algumas coisas que vcs gostam funcionam

Dev do Rufus: “Se fizer questão, você pode sempre fazer uma doação para a Free Software Fundation, já que eles são a razão principal pela qual softwares como o Rufus são possíveis.”

https://www.ventoy.net/en/donation.html

Grato pela atenção de todos.

Comentários 0

Por favor, dê-nos o seu valioso comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Os mais lidos

    Fique por dentro de tudo

    Cadastre-se e receba todos os nossos conteúdos por e-mail

      newsletter
      Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

      Bloqueador de anúncios detectado!!

      Detectamos que você está usando extensões para bloquear anúncios. Por favor, apoie-nos desativando esses bloqueadores de anúncios.

      Powered By
      100% Free SEO Tools - Tool Kits PRO